Saturday, June 16, 2007

São 22:22!
Aqui sentada, vejo as hora... As horas que parecem dias; os dias que parecem meses; e os meses que parecem anos!
A chuva cai! Sinto-me tão velha. Só passaram 10 minutos, e no entanto, sinto que passaram anos!
Olho para trás e vejo tudo, sinto tudo!
Quantas vezes tropecei na mesma pedra, porque percorri o mesmo caminho? Quantas pessoas magoei? Quantas esqueci?
De repente, estou no poço! E olho à minha volta! Negro! Tudo negro! Não há escadas ou cordas! E não tenho asas! Do alto, contemplam-me aqueles que me querem ajudar! Mas não posso! Não lhes posso pedir para descerem até mim! Voltariam a sujar-se! E eles que já conseguiram tanto!
Deixo-me ficar! Flutuo! Olho para cima! Só vejo o negro da noite! Tenho um único destino...
Acordo! É meia-noite. Um sonho ou...

2 comentários:

Isa said...

Formidável...

Captação fantástica de um momento em palavras.

Que mais posso dizer? Adoro.te!!

Beijo grandeeee!!!

Sara Pereira said...

Gostei muito deste teu texto! :)